Remédios naturais para a menopausa

Ao contrário da crença popular, é possível ter uma menopausa saudável usando alguns truques simples e aproveitando alguns remédios naturais.
Remédios naturais para a menopausa

Escrito por Maite Córdova Vena, 09 Julho, 2021

Última atualização: 09 Julho, 2021

Os remédios naturais para a menopausa são uma alternativa a que muitas mulheres recorrem nesta fase, principalmente por dois motivos: evitar o uso de um maior número de medicamentos no dia a dia e obter alívio dos desconfortos que ocorrem, além de obter bem-estar integral.

Quando falamos de remédios naturais, não nos referimos apenas a bebidas e suplementos de ervas, mas também algumas medidas que – por natureza – são benéficas quando usadas como parte de um estilo de vida saudável. Vamos examiná-las com mais detalhes a seguir.

Chá verde

Os remédios naturais para a menopausa incluem o chá verde.
O chá verde pode ajudar com alguns sintomas da menopausa devido às suas propriedades benéficas, embora seu uso não substitua uma consulta médica.

O chá verde é uma das bebidas naturais mais consumidas no mundo. Ele se destaca por suas propriedades diuréticas e antioxidantes, que são as que mais proporcionam benefícios. De acordo com várias pesquisas publicadas nos últimos anos, essas propriedades contribuiem para uma memória melhor, além de saúde física geral.

Em um estudo publicado na revista Nature, os autores explicam que existe uma relação entre o consumo de chá verde antes da menopausa e uma maior densidade óssea em mulheres asiáticas.

No entanto, eles não foram capazes de fornecer dados exatos sobre qual deve ser a concentração e quantidade do chá. Portanto, se considera que os benefícios poderiam ser obtidos independentemente dessas variáveis.

  • Acredita-se que consumir chá verde dentro de um estilo de vida saudável ajuda a combater a retenção de líquidos e promove a saúde da pele.

Raiz de maca

Embora ainda existam dados a serem verificados em relação à sua eficácia, há evidências que apontam a raiz de maca como um dos melhores remédios naturais para a menopausa.

De fato, em um artigo de revisão publicado em 2015, afirma-se que: “A maca é um bom antioxidante, excelente energizante e melhora o ritmo de crescimento e desejo sexual, e também intervém no aumento da fertilidade e na atenuação dos sintomas da menopausa”.

Soja

De acordo com um estudo publicado na revista Elsevier, as isoflavonas de soja se mostraram eficazes no tratamento dos sintomas típicos da menopausa, especialmente das ondas de calor. Isso porque elas têm uma atividade fisiológica semelhante à do estrogênio (embora com menor intensidade).

Na mesma fonte citada, explica-se que o consumo adequado de soja (e seus derivados) pode contribuir para o alívio das ondas de calor, irritabilidade, oscilações de humor e diminuir as alterações no ciclo menstrual, bem como reduzir o risco de agravamentos na saúde, como doenças cardiovasculares, osteoporose e alguns tipos de câncer (de mama, endométrio, próstata e cólon).

Cohosh preto

De acordo com alguns estudos recentes, o cohosh preto (Cimicifuga racemosa) é eficaz no alívio de alguns sintomas vasomotores da menopausa, incluindo ondas de calor e problemas de sono. Ele pode ser encontrado em comprimidos e cápsulas em parafarmácias à base de ervas.

Aveia

A aveia é um dos melhores cereais do ponto de vista nutricional. Por esse motivo, ela também está incluída na lista de remédios naturais para a menopausa.

  • A aveia é uma excelente fonte de fibra, possui vários nutrientes (incluindo cálcio) e, como indicam os especialistas da Women’s Health Concern, está comprovado que ela ajuda a manter uma menopausa e pós-menopausa saudáveis.

Suplementos de vitamina D, E, K, cálcio e melatonina

Os remédios naturais para a menopausa incluem alguns suplementos.
Desde que sejam consumidos corretamente, os suplementos – em combinação com uma dieta balanceada – podem ser benéficos para o organismo.

Para prevenir a deterioração da massa óssea e muscular, muitas mulheres perguntam ao médico se podem consumir suplementos de vitamina D e cálcio (em combinação ou não com a vitamina K). Geralmente o uso é aprovado, embora hajam casos em que se deve ter cuidado ao ingerir essas vitaminas, devido às interações que elas podem causar com alguns medicamentos de consumo contínuo.

O consumo de suplementos de vitamina E costuma estar associado a uma melhor saúde da pele e menor impacto dos sinais de envelhecimento sobre ela, conforme confirmado pelo Instituto de la Menopausia.

O suplemento de Pycnogenol (que é a marca de referência do produto obtido a partir da casca do pinheiro bravo) é outra opção utilizada. No entanto, os especialistas do Medline Plus explicam que não há dados que confirmem a sua eficácia contra o desconforto causado pela menopausa.

Os suplementos de melatonina são indicados para mulheres com problemas de sono. Conforme indicado pelo Instituto de la Menopausia: “a dose indicada costuma ser 0,5 mg (máximo de 1 mg) de melatonina de liberação prolongada uma hora antes de dormir”, embora essa quantidade possa variar, dependendo da opinião do médico em cada caso.

Estilo de vida saudável: o melhor suplemento natural

De acordo com um estudo publicado na revista Farmacia Profesional, outros estudos mostraram que as mulheres costumam recorrer à medicina alternativa durante a menopausa. As opções mais comumente utilizadas são as plantas medicinais, soja ou fitoestrogênios.

Em relação ao estilo de vida, podemos destacar as recomendações 2016 da International Menopause Society sobre a saúde da mulher de meia-idade e a terapia hormonal na menopausa::

  • Fazer exercícios de intensidade moderada por pelo menos 150 minutos por semana.
    • Também é recomendado adicionar pelo menos algumas sessões de exercícios de resistência para obter benefícios adicionais.
    • A prática de exercícios aeróbicos deve ser adaptada às instruções do médico.
    • O exercício melhora o perfil metabólico, equilíbrio, força muscular, cognição e qualidade de vida.
  • É imprescindível manter uma alimentação saudável, na qual sejam consumidas várias porções de frutas e vegetais por dia, geralmente com baixo teor de sal e gordura (embora seja recomendado o uso de azeite). As fibras de alimentos como legumes e o consumo de peixe (pelo menos 2 vezes por semana) também são recomendados.
  • O consumo de álcool e tabaco não é recomendado, pois ambos aumentam o risco de diversos problemas de saúde.
  • Manter-se mentalmente ativo e cultivar relacionamentos sociais também é altamente recomendado para melhorar a saúde física e mental.
  • Manter uma boa higiene do sono, aplicando técnicas que ajudem a controlar o estresse e cultivar hobbies é muito saudável.

Verifique com seu médico antes de usar um remédio natural

Como você pode ver, existem vários remédios naturais para a menopausa que podem facilitar a transição para esta fase da vida.

Lembre-se de que, mesmo sendo naturais, esses remédios não são necessariamente benéficos em todos os casos. Portanto, é aconselhável consultar um médico antes de começar a usá-los. Desta forma, o especialista poderá oferecer as orientações necessárias para que as substâncias sejam aproveitadas da melhor forma possível (caso seja do seu interesse utilizá-las).

It might interest you...
Como evitar o cansaço na menopausa?
Muy SaludLeia em Muy Salud
Como evitar o cansaço na menopausa?

Antes e durante a menopausa, é normal sentir cansaço com frequência. Mas o que pode ser feito para evitar esse sintoma? A seguir a resposta.