Ultrassom

Hoje, graças a essa técnica, é possível perceber claramente o tamanho do bebê e seus movimentos, além de saber seu sexo com precisão.
Ultrassom

Escrito por Equipo Editorial

Última atualização: 19 dezembro, 2022

O ultrassom é uma técnica de diagnóstico por imagem. Ele usa ondas sonoras de alta frequência para observar órgãos e estruturas dentro do corpo. As principais estruturas observadas são geralmente o coração, vasos sanguíneos, rins, fígado e articulações.

Além disso, é a técnica de escolha para monitorar a gravidez e observar o feto. Ao contrário dos raios X, o ultrassom não expõe o paciente à radiação, por isso é mais seguro.

Um pequeno instrumento chamado transdutor, muito semelhante a um ‘microfone’, emite as ondas de ultrassom. Essas ondas são então transmitidas para a área do corpo em estudo e seu eco é recebido.

O transdutor capta o eco das ondas sonoras e um computador converte o eco das ondas em imagens que aparecem na tela.

Conhecendo as origens

Em 1942, um psiquiatra austríaco chamado Karl Dussik estava tentando detectar tumores cerebrais registrando a passagem do feixe de som pelo crânio dos pacientes. Com essa técnica, ele tentou identificar os ventrículos medindo a atenuação do ultrassom através do crânio, o que chamou de hiperfonografia do cérebro.

Com esse procedimento, por meio de um oscilógrafo, dispositivo que registra ondas sonoras ou ondulações, foram obtidos registros unidimensionais. São traços semelhantes aos de um eletrocardiograma ou encefalograma. A partir daqui, muitos outros métodos de diagnóstico baseados em som e imagem foram inventados e descobertos.

Material genético de DNA

Foi na década de 1980, com a incorporação do computador nas máquinas de ultrassom, que o procedimento foi revolucionado. Com esta invenção, foi possível processar as ondas diretamente e obter imagens em tempo real. Também foi permitida a possibilidade de imprimir as imagens que o especialista considerasse importantes e conhecer, com 100% de precisão, as medidas dos órgãos.

Hoje em dia, o ultrassom pode obter imagens tridimensionais e outras em quatro dimensões que dão um close-up real da imagem, principalmente em fetos.

Que materiais são necessários para fazer um ultrassom?

O ultrassom é uma técnica fácil e segura de ser realizada. O maquinário é composto por duas partes e, para seu funcionamento, requer a aplicação de um gel especial. Portanto, para fazer um ultrassom requer:

  • Gel: ele é aplicado na área a ser estudada; atua como um condutor de ultrassom.
  • Ecógrafo e transdutor : envia as ondas de ultrassom que se refletem nas estruturas internas do corpo. Essas informações são analisadas pelo computador, que cria uma imagem na tela do órgão que está sendo escaneado. Existem diferentes tipos de ultrassom, dependendo da estrutura a ser examinada: linear, setorial, convexo e endocavitário.

Tipos de ultrassom

Os tipos de ultrassom mais comumente usados são os seguintes:

  • Abdominal: é usado para detectar qualquer anormalidade dos órgãos abdominais, como rins, fígado ou pâncreas. Você pode ver pedras na vesícula biliar ou tumores, por exemplo.
  • Renal: os rins e o trato urinário são examinados.
  • Obstétrico: este tipo de ultrassom é usado para monitorar o desenvolvimento do feto durante a gravidez.
  • Pélvica: Graças a esta técnica, a causa da dor pélvica, como uma gravidez ectópica em mulheres, pode ser encontrada. Tumores também podem ser detectados.
  • Mamas: é examinada uma massa no tecido mamário.
  • Escroto: para investigar mais a dor testicular.
  • Locomotor: qualquer nódulo observado durante um exame físico pode ser estudado.
  • Outros: vascular, ecocardiograma, intervencionista, tireóide , próstata, etc.
ultrassom

Você pode estar interessado em: Dor crônica

Novas técnicas de ultrassom

Uma modalidade de ultrassom tradicional que está sendo cada vez mais usada é o ultrassom Doppler. Seu nome vem do efeito Doppler que utiliza. Consiste em uma mudança aparente na frequência de uma onda.

É usado, acima de tudo, como um primeiro passo no estudo dos vasos sanguíneos. No entanto, em muitos casos, uma arteriografia posterior ou venografia também costuma ser necessária.

Por outro lado, devemos mencionar outra variedade do ultrassom tradicional, o ultrassom quadridimensional ou 4D. Essa técnica é utilizada especificamente no processo gestacional, devido à carga afetiva que pode acarretar, já que a imagem é um pouco mais nítida.

Graças a essa técnica, é possível perceber claramente o tamanho do bebê e seus movimentos, além de saber seu sexo com precisão. No entanto, deve-se levar em consideração que esta modalidade não implica em nenhum avanço no diagnóstico no que diz respeito ao ultrassom 3D.

Pode interessar a você...
Teste de O’Sullivan ou exame de açúcar durante a gravidez: em que consiste?
Muy Salud
Leia em Muy Salud
Teste de O’Sullivan ou exame de açúcar durante a gravidez: em que consiste?

As mulheres estão sujeitas a certas doenças durante a gravidez. Um dos testes que elas devem realizar é o teste de O'Sullivan.




Los contenidos de esta publicación se redactan solo con fines informativos. En ningún momento pueden servir para facilitar o sustituir diagnósticos, tratamientos o recomentaciones provenientes de un profesional. Consulta con tu especialista de confianza ante cualquier duda y busca su aprobación antes de iniciar o someterse a cualquier procedimiento.