Como ser uma pessoa melhor: 8 dicas

Se você quer aprender a ser uma pessoa melhor, deve começar mudando seu interior e ler o que te cerca de uma forma mais consciente e positiva. Vamos te contar mais!
Como ser uma pessoa melhor: 8 dicas

Escrito por Aylin Stefany Rodriguez Vinasco, 18 Maio, 2021

Última atualização: 18 Maio, 2021

Aprender a ser uma pessoa melhor pode parecer uma coisa fácil, dar um prato de comida ou uma moeda parecem atos simples que nos levam por esse caminho. Mas acontece que existe algo além disso, trata-se de querer acender algo dentro de nós que permaneça, que não é intermitente e que nos faça sentir satisfeitos com nossas ações o tempo todo.

Embora pareça fácil, o trabalho para ser uma pessoa melhor deve ser feito todos os dias. É um processo que se inicia a cada a manhã com o desejo de se libertar de tudo que o afasta de fazê-lo: boatos, trânsito e rancores, entre outros, e que deve ser avaliado todas as noites para começar com um caminho melhor ao acordar.

As 8 dicas que ensinam como ser uma pessoa melhor

A seguir, te contamos quais são essas 8 dicas que vão te ensinar como ser uma pessoa melhor e que você deve praticar todos os dias da sua vida. Com o tempo, você perceberá que executa essas ações naturalmente, porque não se trata de se forçar a ser melhor, mas de trabalhar para ser melhor.

1. Seja grato e generoso

ser uma pessoa melhor
Empatia e generosidade são essenciais para uma vida saudável.

Vivemos em um mundo em que a palavra obrigado parece rara. Você consegue se lembrar de quantas vezes você foi grato neste dia? Se a conta ultrapassar 3 vezes, você está no caminho certo.

A gratidão é, segundo a psicologia positiva, uma força humana que para muitos representantes desta corrente se manifesta como a consciência para reconhecer as coisas boas que acontecem.

Isso mesmo, o primeiro passo para ser uma pessoa melhor começa com o agradecimento, o agradecimento pela vida, por acordar saudável e por tudo o que você tem, que deve vir acompanhado da externalização desse sentimento. Por exemplo, agradecer a seu pai pelo café da manhã ou a um garçom por lhe prestar um bom serviço.

Parte de ser grato está na consciência da generosidade recebida, por isso também vale a pena ser generoso com os outros. Embora não se trate de dar para receber, o ciclo pode ser completado de forma altruísta e inclui ser grato por ter coisas para compartilhar com os outros.

2. Cuide de seus amigos

Os amigos desempenham um papel muito importante na vida das pessoas. De fato, estudos revisaram seu impacto na vida escolar e em aspectos tão importantes quanto o desempenho acadêmico.

Quando você tem um amigo de verdade, tem muitos valores, qualidades e habilidades interpessoais que despertam em você. Você aprende a ouvir o outro, a confiar no outro, a expressar seus sentimentos e a se preocupar. Você desenvolve um tato especial porque se a pessoa em questão é sua verdadeira amiga, você nunca vai querer magoá-la, por isso tome cuidado para que isso não aconteça.

A ideia sempre será de que você coloque essas habilidades em prática com pessoas que você não conhece, porque afinal todo amigo começou como um desconhecido.

3. Pratique a empatia

Esta dica está relacionada com a anterior. A empatia foi descrita em várias pesquisas sobre o comportamento humano como a capacidade das pessoas de compreender as demais. Embora vá além da frase clichê “Eu entendo você”, trata- se de realmente entender o que o outro pensa, sente ou faz, as emoções que estão imersas nisso.

Colocar em prática essa empatia, mesmo com pessoas que não conhecemos, sem dúvida nos torna pessoas melhores a cada dia. Nos ajuda a cultivar e fortalecer os laços afetivos com a família, amigos e qualquer pessoa que queira se aproximar da nossa vida e nos permitir isso.

4. Viva com otimismo

Hoje é difícil permanecer otimista quando vemos diariamente notícias desanimadoras: roubos, mortes, danos ambientais ou catástrofes devastadoras. Se você cumpriu sua tarefa de praticar a empatia, essas coisas sem dúvida o afetarão. No entanto, lembre-se de que há muito a ser grato e otimista.

Quando você afasta as dificuldades, sem ter que ser indiferente e focar no bem, você está sendo otimista e isso se nota. Lembre-se que sorrir para o mundo é como um ímã que leva o mundo a sorrir para você, porque o otimismo é contagiante, então anime-se.

5. Seja paciente

Como o Dalai Lama descreve, “a paciência é um verdadeiro desafio, que só pode ser totalmente desenvolvido em relação aos outros ao nosso redor”. Praticar isso o torna uma pessoa melhor porque o convida, em primeiro lugar, a não ser perturbado ou alterado por fatores externos. Lembre-se de ter paciência quando o caminhão não chega na hora, por exemplo.

Em segundo lugar, ajuda você a entender melhor as outras pessoas. Imagine que seu irmão teve um dia muito ruim e desconta em você. Se você não tiver um pouco de empatia e paciência para entender a situação dele, vai acabar ficando chateado com ele e tornando o dia dele pior e aborrecer o seu.

6. Não dê muita importância às coisas materiais

Quando as pessoas baseiam suas vidas no material, é fácil se desviar do caminho para ser uma pessoa melhor. Não porque ter bens materiais seja uma coisa ruim ou porque o dinheiro nos torne pessoas más, o ruim é focar sua vida nisso.

Muitos acreditam que dinheiro traz felicidade, mas estudos científicos mostram que, por múltiplos fatores, ter e administrar muito dinheiro não gera esse sentimento. Então, quando você prioriza outras coisas como contato humano ou altruísmo sobre o material, você se sente uma pessoa melhor e, sem hesitar, vai nessa direção.

7. Evite reclamar

 ser uma pessoa melhor
Às vezes é necessário, mas conviver com reclamações constantes (internas e externas) pode afetar nosso jeito de ser.

Focar no negativo que está em nossas vidas, no mal que acontece ao nosso redor ou no que nos falta pode nos fazer cair na reclamação do dia a dia. Evitar fazer isso nos torna pessoas melhores para nós mesmos e para os outros, dessa forma nos permitimos focar no bem, como falamos na primeira dica sobre como ser uma pessoa melhor.

Lembre-se de que a reclamação é contagiosa. De alguma forma, quando fazemos isso, levamos os outros a se sentirem culpados por serem melhores ou os levamos a focar no mal que está acontecendo em suas vidas, ofuscando o bem.

Às vezes, pode criar tensão e sofrimento. Portanto, é melhor reconhecer quando chega a reclamação, parar, meditar um pouco e retomar uma conversa positiva.

8. Faça o que você gosta

A última dica para descrever como ser uma pessoa melhor tem a ver, em essência, mais conosco. Quando você faz algo que você gosta e se diverte, se nota a felicidade e se contagia. Quando você está infeliz e tenta colocar em prática as dicas anteriores, você corre o risco de cair na hipocrisia. Você está enganando a si mesmo e aos outros, e neste ponto, você sabe que esse não é o caminho certo.

Portanto, reserve um tempo, fortaleça o seu espírito, a sua felicidade interior e tudo o que o faz se sentir bem para poder projetar isso para os demais. Se você adicionar isso a todas as outras dicas, se traduz em sentir e ser uma pessoa melhor.

Redescubra como ser uma pessoa melhor a cada dia!

Selecionamos para você as melhores dicas para descobrir como ser uma pessoa melhor, mas isso não significa que sejam as únicas. Neste caminho que você decidiu iniciar, você encontrará outras dicas muito pessoais e válidas que enriquecerão a sua transformação, por isso você deve aprender a ler a si mesmo.

Lembre-se de que ser uma pessoa melhor não significa agradar aos outros ou entrar em uma corrida para provar isso. É se sentir bem consigo mesmo e ter a intenção de ajudar o outro e permitir que o outro o ajude.

Pode interessar a você...
10 exercícios para se conectar com a natureza
Muy Salud
Leia em Muy Salud
10 exercícios para se conectar com a natureza

Passar um tempo ao ar livre permite descansar e recuperar as energias do corpo e da mente. Descubra outros benefícios de se conectar com a natureza...