Como evitar o cansaço na menopausa?

Antes e durante a menopausa, é normal sentir cansaço com frequência. Mas o que pode ser feito para evitar esse sintoma? A seguir a resposta.
Como evitar o cansaço na menopausa?

Escrito por Maite Córdova Vena, 03 Julho, 2021

Última atualização: 03 Julho, 2021

Cansaço na menopausa, juntamente com altos e baixos emocionais, irritabilidade, ansiedade, dificuldade de concentração, problemas de sono e ondas de calor são desconfortos comuns nesta fase da vida de uma mulher. Isso foi confirmado por um estudo publicado no Journal of Endocrinology and Nutrition em 2006.

Nesse mesmo estudo, os autores observaram que, embora o cansaço na menopausa tenha sido frequentemente associado à diminuição do estrogênio, essa pode não ser a única causa. Afinal, a variedade de alterações que ocorrem no organismo – de forma mais ou menos simultânea – está relacionada a diversos fatores, como alterações metabólicas, entre outros.

Somado a isso, os autores esclareceram que não existem critérios uniformes para considerar quais sintomas são típicos da menopausa e quais são decorrentes do envelhecimento ou da deterioração da saúde, de fatores psicossociais ou do estilo de vida.

Independentemente da sua origem exata, o cansaço na menopausa é um incômodo que muitas mulheres se perguntam se é possível evitar, e como fazê-lo.

É normal sentir cansaço na menopausa?

O cansaço na menopausa é comum.
Além das ondas de calor típicas da menopausa, outros sintomas também podem aparecer, como o cansaço ou fadiga.

Sentir cansaço após se exercitar ou ter um dia particularmente ativo é normal. Geralmente, o descanso ajuda a recuperar o corpo e dar continuidade à rotina . No entanto, e quanto ao cansaço na menopausa?

Durante a menopausa, perceber a sensação de menos energia e um pouco mais de cansaço no dia a dia é considerado normal, quando não é gerada uma incapacidade total ou quando não há uma doença subjacente.

Isso significa que o desconforto faz parte das mudanças esperadas nesta fase, que geralmente tendem a ser de leves a moderados. Há dias em que é mais perceptível e outros menos, mas isso sempre vai depender do organismo da mulher, de sua saúde, estilo de vida, etc.

Como lidar com o cansaço?

Mais do que evitar o cansaço na menopausa, o que se pode fazer é aprender a enfrentá-lo de forma saudável, para que ele não gere grandes dificuldades no dia a dia nem afete de forma significativa o bem-estar geral. Vamos ver algumas dicas para tornar isso possível.

Dieta saudável

Conforme afirmado em um estudo publicado na Elsevier sobre dicas para lidar com a menopausa, “a dieta durante a menopausa deve conter as vitaminas, minerais e nutrientes necessários para reduzir os problemas gerados nesta fase.” Alguns dos nutrientes mais importantes são os seguintes:

  • Zinco.
  • Cálcio.
  • Ferro.
  • Potássio.
  • Magnésio.
  • Vitaminas A, E, K e vitaminas do complexo B.

Antes de recorrer a suplementos vitamínicos ou fitoterápicos por conta própria, é recomendável consultar um médico para garantir que o uso seja adequado (caso aprovado).

Exercícios

Exercitar-se apesar do cansaço da menopausa pode ajudar a combatê-lo? Definitivamente sim. Agora, isso não significa que seja necessário impor uma rotina de alta intensidade no dia a dia, longe disso. Dependendo do caso, o exercício deve ser ajustado a uma série de parâmetros para que seja benéfico.

Especialistas indicam que o ideal é fazer exercícios por pelo menos uma hora por dia, 5 dias por semana. A prática deve combinar atividades simples como caminhada rápida, ciclismo, natação, corrida, prática de esportes ou subir escadas, com exercícios aeróbicos e exercícios de flexibilidade e concentração (como ioga e pilates).

É importante ter em mente que o exercício não só ajudará a enfrentar o cansaço, mas também mantém uma boa saúde física e mental, o que permite a sensação de bem-estar no dia a dia.

Fazer exercícios físicos, perder de peso e evitar o consumo de tabaco e álcool são medidas altamente recomendadas para cuidar da saúde durante a menopausa e evitar que desconfortos como o cansaço se tornem mais incômodos.

Cuidar da higiene do sono

O cansaço na menopausa pode ser combatido com um sono adequado.
Uma boa higiene do sono é importante para lidar com o cansaço. Para isso, fazer exercícios físicos regulamente pode ser de grande ajuda.

Embora seja verdade que durante a menopausa pode ser mais difícil desfrutar de um sono reparador, com um estilo de vida saudável e as recomendações do médico, é possível minimizar esse impacto.

Cuidar da higiene do sono tem a ver com o ritual do descanso noturno. Levar isso em consideração pode ajudar bastante e, assim, facilitar o descanso. Algumas das medidas que podem ser aplicadas para manter um bom ritual de sono são as seguintes:

  • Manter uma rotina: tente se levantar e ir para a cama no mesmo horário.
  • Manter o quarto numa temperatura adequada e com um ambiente tranquilo.
  • Fazer atividades relaxantes antes de ir para a cama: tome um banho calmo, ouça um audiolivro que ajude a distrair a mente ou uma meditação guiada, faça alguns alongamentos simples, deixe de lado o celular e eletrônicos, diminua a iluminação da casa para convidar ao descanso…

Recomendações finais

Ir ao médico é altamente recomendado quando o cansaço na menopausa impede a realização de atividades diárias com fluidez. Não só porque pode ajudar a determinar o que pode estar desencadeando o problema, mas também porque pode fornecer as opções mais adequadas para lidar com a situação de uma forma saudável e proporcionar bem-estar.

Lembre-se que, além de colocar em prática as recomendações do especialista, o ideal é manter hábitos de vida saudáveis para o corpo e a mente. Afinal, um bom estilo de vida sempre pode ser uma ótima ferramenta se você souber como tirar proveito.

Pode interessar a você...
Ondas de calor (fogachos) na menopausa: o que fazer
Muy Salud
Leia em Muy Salud
Ondas de calor (fogachos) na menopausa: o que fazer

As ondas de calor (mais conhecidas como fogachos) são um dos sintomas mais comuns e irritantes antes e durante a menopausa.